Uma razão pela qual sua avó era uma cozinheira tão boa é porque ela via a culinária como uma expressão de criatividade. Da maneira como cozinhamos e criamos receitas, à maneira como colocamos e exibimos nossos pratos, tudo é um ato criativo. É uma forma de arte criativa na qual você usa a intuição, a degustação, o teste e o sentimento para preparar algo com amor para compartilhar com outras pessoas. E optar por vê-lo dessa maneira pode ajudar a mudar seu pensamento de "Não sei cozinhar nada" para "Vamos ser criativos!".

Todos podemos concordar que a comida caseira tem um sabor melhor do que a comida comprada em lojas ou em restaurantes a qualquer dia. É por isso que a cozinha da sua avó era tão boa. Ela não apenas fez tudo do zero, como também cultivou a maioria dos ingredientes em seu jardim. E o que ela não conseguia cultivar (por exemplo, carnes, ovos etc.), ela conseguiu pegar fresca da fazenda. 

Depois, temperava os alimentos com ervas e temperos que guardava no armário, na prateleira de temperos, na despensa ou onde quer que os guardasse. A culinária da sua avó não se tornou maravilhosa da noite para o dia. Levou anos para aperfeiçoar essas receitas. Quando ela começou a cozinhar, ela seguiu exatamente as instruções. Depois que ela aperfeiçoou sua arte, ela cozinhou por gosto e toque, e é por isso que você nunca a viu seguindo uma receita. 

Ela também experimentou ingredientes diferentes para obter a combinação certa de sabores. E é claro, ela também recebeu ajuda de suas amigas trocando receitas e dicas de culinária com elas. E todos esses anos de experiência culminaram nas comidas saborosas que você desfrutou na casa dela quando você era criança e talvez até na sua idade adulta. Então, achamos que o velho ditado é verdadeiro: "A prática leva à perfeição!".

Pensando nisso a gente fez um busca na internet pelas receitas mais incríveis feitas por várias avós e trouxemos para você, trata-se de um eBook em PDF contendo 21 página, não precisa cadastro, você pode acessá-lo ou imprimir, o que achar melhor!